Descubra se os motoristas de sua frota estão dirigindo em alta velocidade com a telemetria

7 minutos para ler

Os gestores de frota estão sempre em busca de ferramentas para fornecer informações mais precisas e otimizar o processo de tomada de decisão. Isso pode ser feito por meio de dispositivos específicos, como a telemetria veicular. Neste post, vamos conhecer melhor essa ferramenta e suas muitas vantagens.

Com esse instrumento, é possível captar informações em campo e evitar fatores de risco à boa administração do negócio. Motoristas conduzindo os veículos em velocidade muito alta são um exemplo de ação que pode ser corrigida com o uso da telemetria veicular. Preparamos um conteúdo especial sobre a ferramenta. Boa leitura!

O que é telemetria veicular?

De forma geral, podemos dizer que o serviço de telemetria veicular é uma tecnologia especial utilizada para monitorar a circulação de veículos. Essa ferramenta fornece valiosas informações sobre a atividade em campo dos motoristas, de forma remota e prática.

As informações oferecidas pela tecnologia dizem respeito a diversos fatores, como o comportamento dos automóveis em determinadas rotas, além de indicadores precisos, como a velocidade, frenagens muito bruscas, acelerações e consumo de combustível.

Desse modo, é possível verificar se os condutores estão dirigindo em alta velocidade de modo desnecessário, o que põe em risco a integridade das mercadorias transportadas. A telemetria veicular é composta por um emissor de dados, uma central que monitora as operações e um software dedicado a interpretar as informações recebidas.

Qual a importância da telemetria veicular?

Por meio desse instrumento, os gestores de logística otimizam todo o processo de tomada de decisão. Isso porque eles passam a dispor de um conhecimento sólido relacionado às operações e aos motoristas em campo, fornecido pela base de dados de um sistema de alto nível.

Sem a utilização efetiva da telemetria, a empresa perde uma ótima oportunidade para conferir mais embasamento às suas estratégias. Além disso, os custos de operação podem crescer de forma descontrolada, já que os gestores não terão acesso a informações mais precisas envolvendo os veículos da sua frota.

Assim, a telemetria veicular fornece o cenário estratégico perfeito: proporciona não só o monitoramento em tempo real dos trajetos, mas também a oportunidade de cortar custos e economizar tempo — porque passará a contar com informações mais confiáveis e otimizará todo o planejamento.

Como contratar serviços de telemetria veicular?

A boa notícia é que os serviços de telemetria veicular são disponibilizados como uma das funcionalidades de sistemas robustos de rastreamento de frota. Assim, os gestores podem não apenas monitorar questões como a velocidade praticada pelos motoristas, mas também acompanhar diversos outros indicadores relevantes.

Desse modo, será possível contar com outras vantagens significativas, como a roteirização dos trajetos e o acompanhamento dos níveis de combustível. O sistema de rastreamento veicular vai proporcionar toda a segurança necessária, tanto para as suas cargas quanto para os motoristas, além de manter a integridade dos veículos.

Por fim, ao adotar a ferramenta, os gestores adquirem um meio efetivo de acionar a central 24 horas ou autoridades locais para realizar a recuperação dos seus bens e resolução de problemas diversos. A produtividade geral dos colaboradores será otimizada com o repasse de informações importantes para a condução dos processos.

Quais os tipos de telemetria veicular?

O sistema de telemetria veicular atua de maneira prática e pode ter seu funcionamento de duas formas diferentes. Vejamos quais são.

Analógica

Nesse caso, é preciso instalar sensores em áreas específicas do veículo, pois estes devem se conectar às partes físicas, com ramificações internas de fios para que seja possível monitorar. Quando instalado no conta-giros do veículo, por exemplo, é necessário inserir um sensor no local e, com base nos pulsos enviados pelo equipamento, é feito o cálculo de rotação por minuto. Embora exija diversas ligações de sensores e calibragem com frequência, esse tipo de sistema pode ser facilmente encontrado, visto que são compatíveis com vários modelos de veículos.

Digital

Aqui, o monitoramento digital com recursos padronizados é feito por meio de um computador a bordo, instalado no veículo que coleta as informações. Em veículos pesados, por exemplo, uma rede chamada de CAN (Controller Area Network) disponibiliza as informações obtidas e acompanha o desempenho do caminhão, podendo, até mesmo, identificar o consumo de combustível e possíveis falhas mecânicas.

Como a telemetria funciona na prática?

Na prática, o equipamento de telemetria é instalado no veículo, onde se utilizam sensores para obter informações relacionadas ao seu uso. Esses dados são enviados a um servidor por meio de sinais como internet e rádios, ficando armazenados para que possam ser posteriormente acessados. Dentro desse sistema, o interessado pode acessar diversos dados do veículo como quilometragem percorrida, velocidade e freadas bruscas.

Um bom exemplo de sua utilização são os carros da Fórmula 1, pois, diante de um cenário em que o veículo derrapa ou capota, a equipe avisa que piloto saiu ileso. Isso acontece devido aos sensores instalados, que obtêm informações de medição como carga mecânica, pressão, temperatura, velocidade e aerodinâmica. Tais dados são transmitidos por meio de ondas de rádio para um computador de bordo. Posteriormente, são transformados em gráficos a serem analisados pelos engenheiros, que conseguem descrever exatamente como cada sistema do carro está funcionando.

Quais são os principais motivos para se contratar a telemetria veicular?

Por conta de obter inúmeros tipos de informações, a telemetria veicular torna-se uma importante ferramenta para otimizar a gestão. Outros motivos também levam gestores a utilizarem esse recurso em suas operações. Vejamos os principais.

Segurança para a frota

Esse é um dos principais pontos que o sistema de telemetria pode resolver, visto que o acompanhamento em tempo real permite verificar a velocidade do veículo e remeter um alerta para o motorista. Furtos de cargas e veículos também podem ser observados e solucionados, dado que o desvio de rota ou comportamento fora do comum permite ao gestor ações de maneira remota, como travar as portas e desligar o motor.

Economia e produtividade

Economia e produtividade também podem oferecer soluções práticas. Isso porque o gestor tem acesso a todo caminho percorrido pela frota e, diante de uma obra na via e desvios, é possível traçar uma nova rota com antecedência e evitar desgastes com as peças do veículo e combustível desnecessário.

Além disso, também pode elaborar boas práticas de direção e orientar os motoristas quanto ao uso consciente do veículo, promovendo com mais precisão revisões periódicas para evitar danos e gastos no meio da estrada.

Percebeu como a telemetria veicular é uma adição importantíssima para a condução da sua frota? Além de monitorar os motoristas e alertá-los sobre a velocidade desejada nas entregas, é possível contar com outros indicadores relevantes para melhorar seus serviços e gerar mais oportunidades de negócio.

Gostou do conteúdo? Tem alguma dúvida? Ou quer saber maneiras de como otimizar a sua logística? Então, entre em contato conosco agora mesmo para que possamos ajudá-lo.

Posts relacionados

Deixe um comentário