Aprenda 10 dicas para economizar combustível

consumidor economizando combustível
7 minutos para ler

Grande parte dos motoristas entende que sua maneira de conduzir pouco influencia no fato de economizar combustível e, assim, termina consumindo mais. Alguns subestimam a contribuição da revisão preventiva para reduzir o consumo de combustível por quilômetro rodado.

Ainda que o consumo de combustível impacte nas finanças, quem tem um automóvel necessita dele para as suas atividades diárias. Sendo assim, não há outra saída a não ser monitorar a performance do seu automóvel em relação ao combustível. É preciso testar todos os recursos para aliviar no consumo.

Continue a leitura e confira as 10 dicas que preparamos sobre como economizar combustível — e sem perder a performance.

Como economizar combustível?

Existem vários métodos que ajudam a minimizar o impacto da elevação de preço dos combustíveis, permitindo assim colaborar com o meio ambiente e com o bolso!

1. Calibre os pneus

Antes de o veículo rodar, verifique se os pneus do seu carro estão com a calibragem correta.

Pneus descalibrados, certamente, aumentarão o consumo do seu veículo em 2% a 3%. Além do mais, esse cuidado prolonga a vida útil dos pneus.

2. Troque de marcha corretamente

A troca de marcha é um dos elementos que mais afeta a elevação de consumo de combustível. No geral, a troca correta está explicada no manual do proprietário. Nele, encontram-se a rotação e a velocidade ideais para a troca da marcha.

Com o tempo, os condutores mais experientes conseguem “ouvir o motor” e saber facilmente pela audição qual é o momento exato para trocar de marcha. Porém, vale inspecionar o manual e ver se está executando a troca corretamente.

3. Tenha as revisões em dia

Revisões regulares por um profissional qualificado farão com que os veículos não fiquem rodando com alguma peça desgastada, o que eleva o consumo de combustível. É fundamental preservar os filtros de ar e de combustível em ordem. Se a cautela não for seguida, pode ocorrer um entupimento, fazendo com que o motor se sobrecarregue e acabe consumindo mais combustível.

As velas também influenciam de forma significativa no consumo do carro. Se elas estão desgastadas, isso desregula a queima do combustível, gerando um importante aumento no consumo do seu veículo.

4. Evite acelerar bruscamente

Em acelerações bruscas, o gasto de combustível será maior. Portanto, nada de enfiar o pé no acelerador na hora do sinal verde para depois frear bruscamente no próximo semáforo. Além de elevar o consumo de combustível, essas manobras colocam em risco o motorista, passageiros, pedestres e outros carros.

Para evitar o consumo elevado e demais riscos envolvidos, os gestores devem ser bastante claros na hora de enfatizar a importância de evitar acelerações bruscas.

5. Cuide do alinhamento e do balanceamento

Para cortar significativamente o consumo de combustível, é muito importante manter o alinhamento e balanceamento das rodas.

Isso porque rodas desalinhadas causam dificuldades na hora de fazer o veículo se locomover, já que elas costumam se arrastar. Assim, a própria vida útil dos pneus é comprometida, além de haver um aumento do risco de acidentes e do consumo.

Ao menor sinal de problemas no alinhamento ou balanceamento de veículos da sua frota, como vibrações e o veículo puxando para um lado, busque manutenção imediata. Desse modo, você conseguirá economizar combustível e prevenir outras falhas mais graves.

6. Mantenha uma velocidade constante

Um dos principais vilões responsáveis pelo gasto excessivo de combustível é a velocidade, uma vez que atingir marcas altas exige um desempenho maior do motor.

Converse com os motoristas para manter velocidades mais baixas, abaixo dos 100 km/h. Além disso, contar com um bom software de direcionamento de frota ajudará os gestores a planejar a entrega com uma velocidade reduzida e ainda cumprir os prazos acordados com o cliente.

7. Dirija de forma prudente

Entregar produtos de forma ágil é importante, mas isso não significa que cada motorista da sua frota deva dirigir como se estivesse em um filme de ação. Isso aumenta excessivamente o consumo de combustível e ainda coloca todas as pessoas envolvidas em risco.

Por isso, é muito importante enfatizar a importância de evitar ultrapassagens perigosas e outras práticas que exijam muito do veículo. Viagens mais tranquilas e bem planejadas afetam positivamente o caixa e melhoram a reputação da empresa.

Afinal, imagine que os seus veículos contenham o logotipo da organização. Ao notar que um dos motoristas desses carros apresenta um comportamento imprudente, é grande a possibilidade de que a pessoa associe aquela direção às práticas da empresa.

8. Abasteça em postos de confiança

Traçar o trajeto a ser percorrido com cuidado é essencial para fazer com que o motorista não seja obrigado a abastecer em postos que ele não conheça. Por isso, é importante contar com uma tecnologia nesse sentido, que cuide de tudo o relacionado ao gerenciamento de entregas.

Abastecer em postos que não tenham uma boa reputação pode acabar fazendo com que combustível de má qualidade seja introduzido no veículo. Isso compromete não só a velocidade das entregas, mas também a própria integridade do veículo.

9. Não deixe o veículo em ponto morto

Conduzir o veículo em ponto morto em alguns trechos ocasiona o corte da injeção de combustível. Como muitos motoristas têm esse costume, é importante desencorajá-los e conscientizar esses profissionais. Esse cuidado é importante até mesmo por questões de segurança.

Quando o veículo está desengatado, o sistema de freio é mais exigido, uma vez que ele não tem a ajuda do freio motor. É importante notar que os motores atuais contam com injeção eletrônica, que gerencia automaticamente o uso de combustível com o auxílio de um chip eletrônico.

Por isso, mesmo com o carro engatado, o sistema não injeta combustível caso não seja necessário. Assim, esqueça o ponto morto: para economizar, basta manter o veículo na marcha mais alta possível, sem acionar o acelerador.

10. Invista em tecnologia

Um bom sistema de gestão de frotas otimiza diversos tipos de custos. Além de minimizar desperdícios, ele diminui o número de manutenções desnecessárias, despesas indevidas e multas. Ele também proporciona o controle de abastecimentos, levando ao corte de gastos excessivos.

Com esse sistema, será mais fácil controlar o número de horas extras, dimensionar os veículos de acordo com cada operação e otimizar a operação como um todo. Como se não bastasse, o software controla o uso de EPIs, o que também gera mais economia para a empresa e aporta mais segurança aos profissionais.

Como economizar combustível com o ar-condicionado ligado?

Quando se transita em velocidade elevada, em média a partir dos 80 km/h, permanecer com os vidros fechados e o ar-condicionado ativado é mais econômico. Outra boa prática é substituir os filtros de ar e manter a revisão do aparelho em dia. Assim como as para as demais peças do veículo, o mau funcionamento significa um gasto de combustível maior.

Como economizar combustível na cidade?

Uma das maneiras de conter o consumo na cidade é desativar o ar-condicionado e abrir os vidros. Outro modo é instalar um software no veículo que avise sobre os locais em que há congestionamentos para que seja possível evitá-los. Usar marchas reduzidas também consome mais combustível. Portanto, usar corretamente as marchas pode gerar maior economia.

Como pudemos ver, todas as dicas sobre como economizar combustível são fáceis de introduzir no cotidiano dos gestores de frota e motoristas. Além do mais, grande parte dessas boas práticas está associada com conforto e segurança.

Gostou do post e quer conhecer outras soluções para melhorar a gestão da sua frota? Então, não deixe de visitar o nosso site e conferir o nosso trabalho!

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Share This