Gestão

Por que não andar com o tanque de combustível na reserva

tanque na reserva
Movisat
Escrito por Movisat

Você sabia que enguiçar por falta de combustível pode causar sérios riscos ao funcionamento do caminhão e ainda gerar multas pesadas para o condutor? Sendo assim, andar com o tanque na reserva é, sem dúvidas, um erro a ser evitado e os abastecimentos devem ser planejados, para não causarem nenhum tipo de prejuízo, nem para a empresa, nem para o cliente. 

Portanto, se quer saber mais sobre como é importante manter o controle e o tanque sempre com um volume considerável, leia o post até o fim e tome nota das dicas que separamos aqui. Vamos começar? 

Por que andar com o tanque na reserva pode causar sérios problemas? 

Veremos, agora, alguns dos riscos de andar com pouco combustível. Acompanhe!

Multas e pontos 

Segundo o artigo 180 do código de trânsito brasileiro, o veículo que enguiçar pela falta de combustível pode ser multado em R$ 130, além de perder 4 pontos na carteira de habilitação. 

Se tratando de uma entrega então, qualquer gasto extra acaba entrando no bolo e pode trazer prejuízos para operação. Portanto, multas e taxas devem ficar longe! 

Problemas mecânicos 

O manual do fabricante indica a capacidade total do tanque, assim como o volume de reserva. No entanto, o mais recomendado sempre é não rodar nesse limite, já que oferece riscos, até mesmo para o funcionamento do veículo

Por exemplo, o tanque do veículo pode acumular impurezas e sujeiras. Ao chegar no reserva, a tendência é que esses detritos fiquem ainda mais concentrados, podendo ser transferidos direto para o motor, entupindo o filtro e danificando peças. Aí já viu o tamanho do prejuízo, né? 

Atrasos na entrega 

Estamos falando aqui de logística também, não é mesmo? Imagine que frustração é não atender um prazo por falta de planejamento e porque o caminhão estava com o tanque na reserva?  

Colocar a operação em risco e, principalmente, a satisfação do cliente final, pode ser um verdadeiro tiro no pé e gerar consequências incalculáveis para sua imagem no mercado. 

Abastecimentos mais caros 

Hoje, o preço do combustível nunca foi tão preocupante! Por isso, é imprescindível planejamento. Andar com o tanque na reserva está longe de ser uma estratégia inteligente e econômica. Pelo contrário! Na hora que precisar abastecer, não vai dar para escolher preço e isso pode impactar a operação. 

Portanto, o melhor caminho é controlar e se organizar bem. Para tal, vamos dar algumas dicas no próximo tópico. Confira! 

Como controlar melhor os abastecimentos? 

Hoje, graças a tecnologia, nunca foi tão fácil controlar seus abastecimentos, além de outras despesas. Com sistemas e aplicativos específicos, é possível acompanhar de perto e com detalhes, cada centavo aplicado para encher o tanque, assim como horários, datas, volumes e quilometragens percorridas, além de identificar facilmente possíveis desvios de combustível. 

Dessa forma, o gestor tem em mãos um relatório completo para definir suas estratégias e tomar as decisões mais acertadas. Qual a melhor rota, menor preço para abastecer, qual o veículo mais gasta e o mais econômico etc.? Tudo isso, fácil, prático e rápido na sua tela! 

Enfim, andar com o tanque na reserva nunca será uma boa ideia e há diversos motivos para evitar esse erro, já mostramos que não são poucos. No entanto, devemos reforçar que, muitas vezes, esse vacilo se dá, simplesmente, pela falta de uma gestão eficiente e moderna. Invista em um sistema de controle de frotas e descomplique seu trabalho! 

Curtiu? Quer ficar por dentro de outras dicas e acompanhar mais novidades? Então, segue a gente lá no FacebookTwitter, Google+ ou LinkedIn. Até a próxima! 

Sobre o autor

Movisat

Movisat

Somos uma empresa de Rastreamento Veicular, especializada em Gestão de Frotas e Equipes. Nosso sistema auxilia na automatização de rotinas e processos, otimizando tomadas de decisões dos gestores através de dados precisos sem erro humano.

Deixar comentário.

Share This