Pneu com bolha: veja quais são os riscos!

Pneu com bolha: entenda o que é esse problema e quais são os riscos

4 minutos para ler

Muitas pessoas se preocupam somente com o estado do motor ou dos componentes eletrônicos do carro, deixando de lado uma das peças mais fundamentais: os pneus. Isso é um grande erro! Caso haja uma saliência saindo da lateral da peça, não ignore. Ela é, na verdade, uma bolha de ar que pode estourar.

O pneu com bolha é um dos problemas mais graves que podem acontecer com esse componente do carro, pois causará grande perda de aderência e afetará drasticamente a integridade do pneu. Se esse problema não for evitado, pode trazer consequências devastadoras.

Mas você sabe o que pode causar essas bolhas? Neste post, falaremos sobre suas causas, seus riscos e como evitá-las. Acompanhe!

O que é um pneu com bolha e quais são as suas causas?

Um pneu com bolha é resultado do acúmulo de ar ao longo da borracha. A causa é uma abertura na malha metálica que se rompe em decorrência de buracos nas ruas, por exemplo. A ruptura dessa malha faz com que o ar comprimido se movimente e fique concentrado na borracha do pneu.

Além disso, as bolhas nos pneus também podem ocorrer por outros motivos, como:

  • dirigir muito rápido em lombadas ou cruzamentos de ferrovias; 
  • causar uma sobrecarga nos pneus; 
  • dirigir com um pneu furado.

É importante ressaltar que isso não quer dizer que as bolhas nos pneus nunca sejam causadas por um defeito interno — é preciso identificar a causa.

Quais são os riscos de dirigir um veículo nessas condições?

Maiores chances de acidentes

A grande verdade é que um pneu com bolha é como uma bomba, prestes a explodir e trazer graves consequências.

Isso porque ela reduz significativamente a resistência do pneu, viabilizando uma sobrecarga ao longo da banda de rodagem e fazendo com que a direção do veículo fique menos instável. Além disso, pode fazer com que o pneu estoure, aumentando o risco de acidentes graves.

Risco de integridade do produto

Outro risco significativo do pneu com bolha é afetar a integridade do pneu. Isso ocorre devido ao fato de as bolhas aumentarem de tamanho e se romperem com muita facilidade, causando uma instantânea perda de pressão — inutilizando o pneu e tornando necessária a sua substituição.

O que fazer para evitar as bolhas no pneu?

Balanceamento e alinhamento

Com o balanceamento e alinhamento do veículo em dia, corre-se menos risco de ter um pneu com bolha. O balanceamento, por exemplo, faz com que haja equilíbrio no peso sobre ele, a fim de que não haja sobrecarga.

No alinhamento, é possível ajustar o ângulo dos pneus, fazendo com que a banda de rodagem da peça fique totalmente em contato direto com o solo, evitando o desgaste excessivo dos pneus.

Calibração

Outra forma eficiente de evitar a bolha no pneu é calibrando-o da forma correta, com a pressão recomendada para ele. No manual de instruções do veículo é possível verificar a quantidade correta.

Calibrar os pneus corretamente também ajuda a minimizar vários fatores que podem afetar a segurança de todos que estiverem no veículo.

Agora, você sabe o que pode causar o pneu com bolha e como evitar esse problema. Lembre-se de que, se a bolha for pequena o suficiente, ela pode não afetar a direção do veículo. No entanto, se for muito grande ou estiver em um lugar que afete a dirigibilidade do seu automóvel, é preciso realizar a troca do pneu o mais rápido possível, pois a probabilidade de ele estourar é bem maior.

Curtiu este post? Então, assine agora mesmo a nossa newsletter e receba em seu e-mail mais conteúdos como este!

Posts relacionados

Deixe um comentário