Alongamento para motorista: confira algumas dicas!

5 exercícios de alongamento para motoristas que podem ajudar

4 minutos para ler

Devido a longas viagens, é comum se deparar com motoristas em trânsito. Principalmente, vemos os caminhoneiros, que permanecem dirigindo sentados no veículo por horas, na mesma posição. No entanto, não movimentar o corpo constantemente pode trazer problemas para a saúde, sendo fundamental realizar alongamento para motorista e aliviar essa condição.

As pequenas paradas no decorrer do trajeto podem ser um ótimo momento para fazer exercícios rápidos de alongamento, adequar à postura, esticar os membros inferiores e superiores. Assim, garante-se uma condução mais agradável, sem interferir na rotina de trabalho.

Para ajudar você nessa jornada, separamos 5 dicas práticas de alongamentos para aliviar as tensões geradas por quem passa muito tempo dirigindo nas estradas. Confira!

1. Alongamento do pescoço

Essa prática ajuda a aumentar a circulação do sangue, diminuir a tensão acumulada e prevenir as dores e desconfortos na região do pescoço. Para isso, incline a cabeça para a esquerda e, com o auxílio da sua mão, puxe-a até sentir uma leve pressão do lado direito do pescoço, mantendo-se nessa posição por, aproximadamente, 15 segundos. Posteriormente, repita o mesmo processo para o lado direito.

2. Alongamento dos braços

Para melhorar a flexibilidade e diminuir a tensão nos braços, deve-se trabalhar os membros superiores. Nesse caso, estique o braço esquerdo para frente e, com a mão direita, apoie no cotovelo e puxe-o em direção ao corpo, posicionando na região acima do peito e debaixo do pescoço, mantendo a cabeça sobre o ombro esquerdo. Permaneça pressionando nessa posição por 15 segundos e repita o alongamento para o lado direito.

3. Alongamento das costas

Esse é um tipo de alongamento para motoristas que passam horas conduzindo na mesma posição, pois preserva a postura adequada e ajuda a diminuir as dores nas costas. Para iniciar, entrelace os dedos das mãos, estenda os braços para frente e posicione as palmas das mãos para fora. Em seguida, estique lentamente as costas e por, aproximadamente, 10 segundos, mantenha nessa posição.

4. Alongamento dos ombros

Nas paradas e no meio do trânsito, esse exercício pode ser inserido na rotina de maneira simples, já que ajuda a promover a diminuição da tensão dos ombros. Diante disso, comece realizando movimentos circulares com os ombros, impulsionando-os lentamente para frente por dez vezes. Depois, faça o mesmo processo com os ombros para trás.

5. Alongamento da coluna cervical

A coluna cervical também é outra parte do corpo bastante atingida por quem passa longos períodos dirigindo. Por isso, é importante aumentar a flexibilidade para prevenir dores e rigidez nessa região. Assim, com as costas retas, entrelace os dedos das mãos e apoie por trás da cabeça. Em seguida, incline-a para baixo, fazendo com que o seu queixo se encoste no peito e exerça uma pressão em toda região cervical, mantendo-se por 15 segundos.

Jornadas nas estradas e rotas de trânsitos constantes exigem que o motorista permaneça sentando por horas. De início, as consequências dessa condição são apenas incômodos, mas, em longo prazo, os males para a saúde podem resultar em inchaços nas pernas, dores musculares, tensão, problemas de circulação sanguínea e LER (Lesão por Esforço Repetitivo).

Por isso, os exercícios de alongamento para motorista devem ser regulares e não ocorrerem somente durante as paradas de viagens, mas antes de entrar no veículo e a cada duas horas. Assim, não só proporcionarão bem-estar físico, diminuição do desconforto e prevenção de problemas de saúde, como também vão contribuir para a segurança nas rodovias e um melhor rendimento.

E você, pratica algum tipo de alongamento para conduzir? Então, deixe seu comentário para que possamos saber sua opinião. Participe!

Posts relacionados

Deixe um comentário