Desmobilização de frota: veja o que é e conheça os impactos!

Veja o que é a desmobilização de frota e quais são os seus impactos!

4 minutos para ler

O mercado brasileiro tem inúmeras empresas que trabalham com frotas de caminhões. Isso faz com que o setor de veículos seja intensamente movimentado e exija muita atenção de seus gestores, principalmente em áreas como a de desmobilização de frotas.

Um veículo, independentemente de qual seja, exige uma disponibilização de renda muito grande para manter-se ativo, e um dos principais trabalhos de um gestor é saber a hora mais adequada para substituir certos itens de sua frota.

Com o objetivo de entender mais sobre o tema, preparamos este conteúdo para você aprender sobre o conceito de desmobilização de frota, seus impactos e saber como colocá-lo em prática. Acompanhe!

O que é a desmobilização de frota?

Com o passar do tempo, nem todo veículo pode continuar a oferecer o que uma determinada empresa precisa para continuar funcionando, seja por estar obsoleto tecnologicamente, seja por gerar muitos gastos de manuseio ou qualquer outro motivo.

É aqui que a desmobilização de frotas entra em vigor, fazendo com que o gestor da área seja encarregado de identificar cada um desses veículos e determinar um novo destino para ele, sem ter seu funcionamento dentro da empresa.

Como é possível colocar em prática a desmobilização de frota?

Essa identificação não é feita automaticamente, existe uma série de fatores de logística que devem ser levados em consideração. Essas condições vão desde os fatores físicos do veículo até formas de vendas e potenciais compradores. Por isso, há alguns métodos de como colocar a desmobilização em prática. Vejamos os principais.

Logística reversa

A logística reversa se trata de uma pré-identificação de todos os veículos a serem desmobilizados. Assim, aqueles que apresentam um potencial são retirados de seus respectivos serviços e realocados em um local específico onde podem ser trabalhados de maneira mais fácil.

Seleção de carros

Quando a desmobilização vai ocorrer, nem todo veículo será descartado, somente aqueles com as devidas condições. Para fazer essa seleção, deverá ser feita uma análise completa em todos os veículos, buscando fatores em cada um até que todos sejam categorizados, escolhidos e encaminhados para seu destino por uma venda direta ou desmanche para reutilização de componentes.

Bons canais de vendas

Selecionar o que precisa ser trocado pode ser a parte fácil, pois o próximo passo é determinar o destino daquele veículo. Principalmente para aqueles que estão começando, não é fácil achar um bom comprador que coopere em relação à segurança, preços e confiabilidade máxima.

Por isso, é sempre bom se informar sobre os melhores canais de vendas, para criar um bom vínculo que não acarrete problemas futuros com a comercialização.

Quais são os benefícios da desmobilização de frotas?

As principais motivações de uma desmobilização são a produtividade e lucratividade. Afinal, um veículo obsoleto já não é mais útil para o trabalho e não gera mais lucros. Se um carro de sua frota estiver há muito tempo parado ou consumindo mais que o normal, certamente ele vai ocasionar gastos acima do ideal. Assim, a sua venda vai resultar em mais lucro e diminuir as perdas excessivas.

Para uma empresa funcionar com máxima capacidade de produção, todos os seus maquinários e veículos devem estar em suas melhores condições. Dessa maneira, a desmobilização de frota pode ser o caminho chave para dar uma levantada nos negócios. A avaliação e vendas de veículos é um processo inevitável e deve ser feita periodicamente. Esse se torna mais um dos trabalhos essenciais de um gestor para manter os negócios sempre na ativa.

Gostou do conteúdo e quer estar mais conectado com esse tipo de informação? Então, curta a nossa página no Facebook e fique por dentro das novidades.

Posts relacionados

Deixe um comentário